Novidades

Localização actual:Fundação MacauAgenda de ActividadesEntrega de Prémios da 24.ª Edição do “Concurso de Comentários Escritos sobre a Leitura para os Alunos do Ensino Secundário de Macau”
Os alunos da Escola Pui Ching e da Escola Filhos e Irmãos dos Operários foram os vencedores dos dois grupos

Entrega de Prémios da 24.ª Edição do “Concurso de Comentários Escritos sobre a Leitura para os Alunos do Ensino Secundário de Macau”
Os alunos da Escola Pui Ching e da Escola Filhos e Irmãos dos Operários foram os vencedores dos dois grupos

Date:13/04/2019
24/05/2019 12:18:47

A 24.ª Edição do “Concurso de Comentários Escritos sobre a Leitura para os Alunos do Ensino Secundário de Macau”, cujo a organização conjunta está a cargo da Fundação Macau e do Jornal “Diário de Macau” recebeu resposta calorosa por parte dos alunos de Macau. Efectivamente foram recebidos 440 textos candidatos de 20 escolas. A cerimónia de entrega de prémios foi realizada em 13 de Abril de 2019 no Centro de UNESCO de Macau e os organizadores entregaram prémios a 20 estudantes premiados como forma de incentivar mais alunos a ler. O Doutor. Wu Zhiliang, Presidente do Conselho de Administração da Fundação Macau, o Dr. Chui Chi Tou, Editor-Chefe do Jornal “Diário de Macau”, o Júri do grupo de ensino (Huang Wenhui, Ti Ya, Gu Yu), o Júri do grupo de ensino secundário geral (Li Yuliang, Shui Yue, Tai Pi) e os directores, professores e estudantes premiados participaram na cerimónia, tendo sido criada uma atmosfera muito calorosa.

O Doutor. Wu Zhiliang, Presidente do Conselho de Administração da FM, disse no seu discurso que “para celebrar o 20.º aniversário da criação da Região Administrativa Especial de Macau, o Concurso deste ano teve como tema “Registo de sentimentos sobre o retorno de Macau à Pátria”, na esperança de que os estudantes revissem a História de Macau e pensassem sobre o futuro do Território, através da leitura de obras excelentes existentes em Macau”. É ainda seu entendimento que, com a integração gradual de Macau na construção da Grande Baía se deve aumentar a sua competitividade e o 20.º aniversário do retorno à Pátria é um importante momento-chave para compreender claramente a importância de olhar para o desenvolvimento da Pátria e para o mundo. Todos os anos, o Concurso define um tema, na esperança de permitir uma compreensão mais profunda dos alunos sobre a cultura e o espírito da nossa cidade. Por outro lado, ao compreender Macau podemos ter um conhecimento mais aprofundado do país e perceber o enquadramento de Macau a nível mundial e a necessidade de estar integrado no resto do mundo. No final, o Doutor. Wu Zhiliang agradeceu aos alunos pela sua participação activa neste Concurso, mais de 6.000 alunos participaram ao longo dos anos, no qual muitos jovens se sentiram incentivados a seguir o caminho da criação literária, fazendo com que a equipa de Literatura de Macau  crescesse continuamente.

Os estudantes que participaram este ano no Concurso são os que já nasceram após a criação da RAEM e serão os pilares dos próximos 20 ou 30 anos da RAEM. Espera-se que os estudantes que vão fazer parte da construção do futuro de Macau continuem a promover a cultura de Macau e a passar a História de Macau às próximas gerações. Por fim, o Dr. Wu Zhiliang fez votos de que os estudantes continuem a manter o seu entusiasmo pela leitura, procurem sempre ter uma vida com o gosto pela leitura e partilhem com outros a maravilha e a diversão da leitura, de modo a promover ainda mais a atmosfera literária, interligando a História de Macau a mais pessoas, nomeadamente através da palavra.

O Júri do grupo de ensino secundário básico, Li Yuliang, disse no seu discurso que “o benefício mais importante da leitura é inspirar um pensamento independente. Depois de ler um bom artigo, o leitor não precisa de aceitar totalmente o ponto de vista do autor, pois o leitor deve estender o seu pensamento, julgar e até mesmo questionar o autor”. Li Yuliang elogiou os primeiros três trabalhos do grupo de ensino secundário básico, pois são bons textos que expressam sentimentos e imagens e combinam os sentimentos com cenas, conforme os temas. Alguns textos, apesar de não terem sido seleccionados também são bons textos, foram capazes de acompanhar de perto o tema, com um estilo de redacção fluido e bonito, além de uma reflexão profunda sobre a situação actual da cidade.

O Júri do grupo de ensino secundário complementar, Huang Wenhui, disse que “o tema do Concurso deste ano "Registo de sentimentos sobre o retorno de Macau à Pátria" pode ter sido fácil e difícil, ao mesmo tempo, para os estudantes, ou seja, a dificuldade versa sobretudo no retorno de Macau à Pátria que é um assunto social e político e torna-se difícil aos alunos compreender o significado histórico de um acontecimento passado, mas também se torna fácil pois foi relevada a direcção da redacção, sendo somente um ”. Os estudantes exploraram o que valia a pena escrever a partir de "assuntos" e "sentimentos", de modo a elaborarem o seu próprio registo de sentimentos sobre o retorno de Macau à Pátria. Além disso, disse que “embora o Júri tenha as suas próprias preferências, todos concordaram em escrever os artigos usando a sua própria vida como exemplo, com verdadeiro sentimento ou reflexão crítica, mostrando que a única maneira de escrever um bom artigo é ter sentimentos”.

Em seguida, os primeiros lugares dos grupos de ensino secundário básico e complementar, respectivamente Liang Xinyue e Tao Chang proferiram os seus discursos de agradecimento.

Na cerimónia, os convidados entregaram troféus aos estudantes premiados de cada grupo como forma de elogiar os seus excelentes desempenhos. Os primeiros três lugares do grupo de ensino secundário básico são, respectivamente, Liang Xinyue, Tan Zhiqing e Wang Lisheng, e os vencedores dos Prémios de Menção Honrosa são Huang Shiyang, Wu Yunxi, Ou Yongle, Qiu Xiwen, Huang Shimin, Chen Chaonan, Yu Xiaoqing. Os primeiros três lugares do grupo de ensino secundário complementar são, respectivamente,  Tao Chang, Wu Jiahui, Li Yingyu, e os vencedores dos Prémios de Menção Honrosa são Tan Zhenghao, Yu Zhibin, Zhang Zhixuan, Chen Shiying, Cai Yanni, Feng Xiaoying, Huang Qianying. Na mesma ocasião, exibiram-se os trabalhos premiados.

Além disso, a fim de promover ainda mais o concurso de redacção e permitir a partilha das obras a mais residentes, os organizadores vão expor os trabalhos premiados na Praça do Tap Seac, desde hoje até 10 de Maio. As pessoas interessadas poderão visitar ou navegar na página electrónica do concurso (http://www.fmac.org.mo/essayCompetition/index).

Fotografia de grupo com os convidados que entregaram os prémios, os reitores das escolas premiadas e os professores e alunos premiados

Doutor. Wu Zhiliang, Presidente do Conselho de Administração da FM, profere o seu discurso

O Dr. Chui Chi Tou, Editor-chefe do Jornal “Diário de Macau”, entrega o prémio ao 1o lugar do grupo de ensino secundário básico