Publicação/Pesquisa Projeto

Localização actual:Fundação MacauPublicação/Pesquisa ProjetoPormenores

O Boletim de Estudos de Macau (Volume 87) acompanha de perto o movimento social de Macau

02/07/2018 12:23:04

O Boletim de Estudos de Macau (Volume 87), editado pelo Centro de Estudos de Macau da Universidade de Macau, foi recentemente publicado pela Fundação Macau. Este Boletim, tem como o objectivo “Estudar Macau e servir a Sociedade” e compilar as dissertações publicadas na área das Ciências Humanas e Sociais, de autoria de académicos locais e do exterior, no sentido de estabelecer uma plataforma para a expressão de diferentes pensamentos académicos, assim como impulsionar o desenvolvimento e o aprofundamento de estudos sobre “Macaulogia”. A publicação periódica deste Boletim tem vindo a chamar a atenção dos académicos territoriais e ultramarinos para a sua importância.

O Boletim de Estudos de Macau deste volume acompanha de perto o movimento social de Macau, e tem as colunas como “Recomendações Especiais”, “Análise da Eleição da 6.ª Assembleia Legislativa de Macau”, “Construção da Sociedade Económica”, “Macaulogia” e as “Questão da Prata na História da China”, etc. Com o rápido desenvolvimento da sociedade de Macau, a importância do planeamento urbano em Macau tornou-se mais proeminente. O Centro de Estudos sobre Macau da Universidade de Macau realizou, no mês passado, um simpósio sobre o “Planeamento Urbano Geral e Estratégia de Desenvolvimento de Macau” para discutir as estratégias de planeamento, construção e desenvolvimento da cidade de Macau. Esta edição seleccionou as opiniões profissionais dos planeadores, como Chui Sai Peng, Manuel Iok Pui Ferreira, Li Chuanyi, Francisco Vizeu Pinheiro e Wan Yim King, para as apresentar aos leitores.

O volume 87 organizou a coluna “Análise da Eleição da 6.ª Assembleia Legislativa de Macau”, que analisa os aspectos como a Lei Eleitoral para a Assembleia Legislativa alterada em 2016, eleição da Assembleia Legislativa sob novos meios de comunicação, contexto do colégio editorial e os votos obtidos por área, resultados da eleição e mudanças do panorama política, com opiniões específicas e únicas. Os autores dos artigos incluem Lou Shenghua, Chen Huailin, Li Xiaoqin, Mou Xiaobo, Tsoi Weng Kuan, Ho Wai Hong e Chong Chan Chan. A coluna “Construção da Sociedade Económica” contém vários artigos de referência, incluindo “A Viabilidade do Estabelecimento do Centro Financeiro Offshore Regional de RMB em Macau” de Gu Xinhua, que discute como Macau deve desenvolver os serviços offshore de RMB sob o aspecto macroeconómica e as decisões políticas nacionais para promover o desenvolvimento diversificado da economia local; o artigo “Aplicação de Big Data em Marketing Global e de Macau” de Liu Tingchi combina análise de documentos e casos comerciais, para ilustrar como aplicar Big Data no desenvolvimento do marketing em Macau, que pode melhorar a eficiência e gestão na operação da indústria de jogos e da construção de uma cidade inteligente a desenvolver pelo governo; outros artigos incluem a “Análise do Impacto da Consciência Competitiva/Cooperativa e Atitudes na Política de Introdução de Talentos: Estudo Empírico de Macau” escrito conjuntamente por Ao Io Weng e Chan Wai Tan e a “Investigação sobre Identidade Profissional de Croupiers em Macau” de Zhou Jinquan.

Nas colunas “Macaulogia” e “Questão da Prata na História da China”, publica-se uma série de artigos de História e Cultura, entre eles, “Espanha e Macau sob Dominação Portuguesa (1580-1640)” de Zhang Kai e “Prata de Macau e da América: Investigação dos nomes das moedas Espanhola e Americana em Circulação na China” de Jin Guoping. Sendo uma estação de trânsito para a grande circulação do comércio internacional entre os séculos XVI e XVIII, as relações comerciais de Macau com Portugal, Espanha, Inglaterra e Estados Unidos não só promoveram a internacionalização da moeda de prata, como também a ligação entre a China com o Sul da Ásia, as Américas e a Europa.

O Boletim de Estudos de Macau (Volume 87) está à venda nas livrarias de Macau e nos agentes em Hong Kong, com o preço fixo de MOP80. A versão em suporte digital está disponível no website da Biblioteca Virtual de Macau da Fundação Macau para acesso do público (http://www.macaudata.com).